FILMES 

Creed II – Crítica

Por: Carlo Lubrano

Creed II é o oitavo filme da séries de filmes do Rocky, e o segundo contando a história de Adonis Creed (Michael B. Jordan), filho de Apollo “Master of Disaster” Creed, que na saga original dos filmes foi rival de Rocky, e posteriormente seu treinador.

“São somente três degraus(…)

O ringue é o lugar mais solitário do mundo”

Rocky Balboa (Sylvester Stallone)

O filme começa em um lugar sombrio na Ucrânia mostrando recortes de jornais dos dias de glória de Ivan Drago (Dolph Lundgren) que lutou e matou Apollo Creed em Rocky IV, e posteriormente perdeu uma luta contra Rocky, perdendo toda sua fama, nessa cena inicial também é introduzido seu filho Viktor Drago (Florian ‘Big Nasty’ Munteanu). É mostrada um pouco da rotina dos dois correndo por uma cidade ucraniana bem desolada, terminando com uma luta brutal de Viktor.

Logo após, o filme nos joga nos bastidores da próxima luta de Adonis Creed, finalmente competindo pelo cinturão contra Danny ‘Stuntman’ Wheeler (Andre Ward), momentos antes da luta são proferidos alguns diálogos mostrando a ansiedade de Adonis ao encarar o campeão mundial de boxe, e de ter a possibilidade de conquistar o título que já foi de seu pai.

Resultado de imagem para creed

E assim é introduzido o enredo do filme, de uma forma que em alguns momentos pode parecer meio desconexa, mas logo logo tudo passa a fazer sentido! Neste filme Ivan Drago busca redenção e o reconhecimento que já tivera quando havia ganhado Apollo Creed e é claramente perceptível que ele mudou bastante de caráter, um cara que um dia era uma máquina de lutar, cheio de orgulho, hoje sente vergonha de quem ele é e busca desesperadamente por sua antiga glória treinando seu filho sem pena. Em muitos momentos é bem fácil sentir empatia por essa dupla de “antagonistas” que vão até a clássica cidade de Philadelphia para desafiar Rocky e Adonis.

O filme segue uma história de vingança de ambos os lados, tanto para Viktor, quanto para Adonis. Com um roteiro que deixa um pouco a desejar em certos momentos com piadas que às vezes são feitas em momentos inapropriados, monólogos filosóficos a cada esquina, e uma história um tanto quanto previsível, Creed II é a sequência espiritual para todos os fãs de Rocky IV e qualquer pessoa que goste de uma história movida por escolhas difíceis e momentos motivacionais.

Pra quem é fã de Rocky esse filme não deixa de abusar de uma coisa, você adivinhou!

MONTAGENS, MONTAGENS E MAIS MONTAGENS

Mas isso já era de se esperar, né?

A fotografia do filme foi bem básica na maior parte dos momentos, mas teve um enorme destaque durante as lutas que foram de tirar o fôlego! Cenas em câmera lenta muito bem utilizadas e ângulos perfeitos durante a luta inteira! Eu realmente me senti dentro do ringue nesses momentos.

Resultado de imagem para creed drago

A trilha sonora maravilhosa tinha nomes como Jaden Smith, Kendrick Lamar e até Tchaikovsky! Entre outras que não vou spoilar, claro. Mike WiLL Made-It fez um trabalho muito foda ao produzir as músicas desse longa!

Outra coisa que não faltou foram as referências. O filme inteiro faz referências a Rocky IV,

Porém sem ter aquele tom de guerra fria dos filmes da década de 80.

Com certeza merece o selo de aprovação do Capitão América.

Resultado de imagem para captain reference

Voltando a falar do roteiro, o Rocky parece um guru espiritual tibetano de tantos monólogos motivacionais que ele usou durante o filme. O que é super compreensivo para um treinador mas me pareceu um pouco forçado, mas Rocky é Rocky né? Outra coisa que me deixou bastante triste foi a falta de falas de Viktor Drago, fizeram uma caracterização muito foda, o cara realmente parece uma máquina mortífera russa, mas infelizmente 90% da atuação dele só é notável no ringue, em algum momento do filme cheguei a acreditar que o cara era mudo.

Resultado de imagem para creed tessa

Acho muito necessário dar parabéns para Michael B. Jordan pela atuação impecável como “Menino mimado que precisa fazer escolhas difíceis” que nesse caso funcionou bem pra caramba! Geralmente me irrito muito com personagens assim, mas devido a toda história dele, esse personagem funcionou, e funcionou muito bem! Super válido também mencionar a atuação da Bianca (Tessa Thompson) namorada do Adonis, que foi capaz de criar vários momentos muito emocionantes!!!

Mas afinal vale a pena assistir Creed II?

Sim!

Apesar dos diversos furos no roteiro, Creed II vai te deixar na beirada do seu assento durante as lutas, além do enredo que emociona bastante. Se você gosta de Rocky, ou gostou do primeiro Creed, assista! E se não gostar, bom, assista também porque o Michael B. Jordan é sensacional!

Nota: 4/5 (Bom)

Por conta disso vou dar 4 de 5 estrelas muito merecidas a Creed II, principalmente por ter sido um filme vítima de muita hype por conta do sucesso de seu antecessor e por ter conseguindo preencher a sede dos fãs por um bom filme de boxe e continuar com o legado de Rocky.

Relacionados

[gs-fb-comments]