FILMES NOSTALGIA SÉRIES E TV SÉRIES E TV 

Referências de Wes Craven e Sam Raimi através dos filmes

Hoje, dia 30 de agosto, completa 2 anos da partida de um dos maiores mestres do terror, Wes Craven. Foi Craven o criador dos clássicos A Hora do Pesadelo e Pânico, com suas figuras icônicas Freddy Krueger e Ghostface.
Neste dia, então, faremos um tributo ao mestre relembrando e até mesmo revelando para alguns fãs desapercebidos as referências de Wes Craven e principalmente de Sam Raime a ele.
Tudo começou quando Craven em seu filme Hills Have Eyes, ou Viagem Maldita, colocou um cartaz rasgado do filme Jaws, Tubarão, de Steven Spielbergdilacerado, ao fundo de uma das cenas. Cogitou-se que seria uma mensagem para dizer: esse sim é um filme de terror de verdade.

The Evil Dead, de 1981, conhecido no Brasil como Uma Noite Alucinante, apresentou sutilmente um cartaz de Hills Have Eyes em uma parede da cabana, quase que da mesma forma que Craven havia feito com Spielberg. Posteriormente, Raimi explicou em entrevista que o tributo foi um jab intencional em Wes Craven.

Há um cartaz rasgado de Jaws em The Hills Have Eyes, então eu pensei que seria divertido rasgar um pôster Hills Have Eyes em pedaços em The Evil Dead, para dizer a Wes: ‘Não, esse é o verdadeiro horror,  Amigo.’

A guerra amigável, que realmente não era nada mais do que um método divertido de comunicação entre dois cineastas que nem se conheceram até anos depois, continuou no clássico A Nightmare on Elm Street de Craven, lançado em 1984. Em uma TENTATIVA desesperada de ficar acordada e evitar a visita inevitável de Freddy Krueger, Nancy Thompson vê um filme em seu quarto. Seu filme de escolha? The Evil Dead – A Morte do Demônio!

Em resumo, podemos notar que, para Nancy, The Evil Dead não está sendo lá tão assustador, devido a sua empolgação configurada em sono, onde ela até mesmo desliga a TV. Jab devolvido com sucesso!
Como Raimi respondeu? Em Evil Dead 2, lançado em 1987, a luva icônica de Freddy Krueger estava lá, de forma sutil, pendurada em uma parede no porão da cabana, e acima de uma porta noutra cena.

Essa era, claramente, mais uma homenagem do que qualquer tipo de jab em Craven, as histórias de uma rivalidade entre Craven e Raimi não passarão de puro sensacionalismo.

Na mesma entrevista de 2007, Raimi confirmou que era tudo uma brincadeira divertida:

Anos atrás, eu estava no Festival de Cinema de Cannes dando uma entrevista de rádio – eu nunca havia conhecido Wes – e ele veio até o estande. Eu pensei: ‘É aqui que eu vou pegar o velho Wes!’ Eu me escondi e saltei com um tremendo grito, e ele simplesmente saltou de sua pele. [Risos] Então eu me apresentei. Ele me deu uma olhada como: ‘Você está louco!?’ Ele tem sido muito gentil comigo desde então.

A comunicação do cinema entre Sam Raimi e Wes Craven continuou nos anos 90 com Scream, Pânico. Randy, um grande fã de filmes de terror, durante uma cena do filme está com uma série de fitas VHS e pergunta aos personagens o que eles querem assistir. Não surpreendentemente, The Evil Dead é uma das escolhas.
Eles escolhem Halloween… foi jab final de Craven em Raimi!

Infelizmente, Wes Craven faleceu em 2015, mas através da série Ash vs. Evil Dead, Sam Raimi manteve a tradição viva. No final da temporada, Ash voltou para a cabana na floresta, e a luva de Freddy ainda estava pendurada lá, no mesmo lugar. Mais tarde, no penúltimo episódio da 2ª temporada, Ash e o grupo viajam no tempo para 1982. Um cinema retro foi brevemente mostrado, e pendurado ao lado de fora havia um cartaz do filme The Hills Have Eyes, de 1977.

| Em memória de Wes Craven (2 de agosto de 1939 – 30 de agosto de 2015).

Esse post não seria possível sem a ajuda de Daniele Bueno: Tradução da entrevista de Sam Raimi.

Edsranoeswc_-_terra_n%c3%a9rdica_-_marlon_ufm

Relacionados

Leave a Comment