CRÍTICA | A Casa do Medo

Crítica por João Oliveira e Ruan Avelar. Um filme que tinha um enredo para ser uma boa produção de suspense e terror, foi levado por água abaixo. A essência do filme e dos personagens tem um cunho muito pesado, por suas características perturbadoras. Os dois grandes “vilões” do filme, são duas minorias que são representadas escancaradamente com problemas psicológicos. O tempo do filme é uma coisa que não faz muito sentido, quando você acha que uma coisa aconteceu, mas na verdade não passa de uma ilusão, o que deixa o…

Leia mais.