B.O. | Crítica

Por: Marcelle Souza Um filme sobre cinema para quem faz cinema. Esse poderia ser o slogan de B.O., comédia de Daniel Belmonte e Pedro Cadore. A história gira em torno de Pedro (Daniel Belmonte) e Fabricio (André Pellegrino), dois jovens cineastas frustrados que tentam provar para o mundo que conseguem produzir um filme de sucesso. Por isso, resolvem fazer um drama de baixo orçamento para passar em festivais e terem dinheiro para seus próximos longas. Sendo muito sincera, eu gostei de B.O. A metalinguagem do filme fez com que eu…

Leia mais.