Eu, Tonya – Crítica

Ao ver Margot Robbie e Allison Janney sendo indicadas ao Oscar de melhor atriz e melhor atriz coadjuvante, respectivamente, por Eu, Tonya, logo me interessei por esse drama baseado em fatos reais. A história polêmica envolvendo as patinadoras de gelo Tonya Harding e Nancy Kerrigan nas Olimpíadas de 1994, é só um dos capítulos conturbados da vida de Tonya retratados no filme. As pessoas só a conhecem como uma das vilãs do esporte americano, mas juro que ao conhecer como foi sua trajetória tive pena de um talento desperdiçado. Afinal,…

Leia mais.