SÉRIES E TV 

Sex Education – Crítica

Ainda bem que a nova geração de adolescentes tem Sex Education para discutir sobre relações sexuais. A minha geração passou pela puberdade tendo como referência Skins, então da pra entender como chegamos até aqui não é? Para mim a série é mais do que uma atração, é uma necessidade aos adolescentes do século 21. Otis Thompson (Asa Butterfield) é apenas mais um adolescente virgem e com dificuldades sociais (eu disse adolescente!), o que diferencia o jovem dos outros é sua mãe ser uma terapeuta sexual. Aos 16 anos, Otis sabe…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Titans – Primeira Temporada | Crítica

Muito fan service, ambientação sombria e a violência quase como um personagem próprio. Assim podemos resumir o que foi a primeira temporada da primeira série do serviço de streaming da DC Universe, Titans. Uma pena que este serviço só está disponível nos Estados Unidos, porém, será disponibilizada dia 11 de janeiro mundialmente pela Netflix. Pra mim, a série não é totalmente perfeita, mas está longe de ser ruim. Num geral, acho que a DC Comics acertou e agradou os fãs. Acompanhamos a história do detetive e ex-Robin, Dick Grayson (Brenton Thwaites)…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Sabrina | Entenda a origem e o tom da nova série da bruxinha

Gato intérprete de Salém, na premiere de The Chilling Adventures of Sabrina. Muitos – inclusive eu – ficaram bem empolgados com a notícia de que sairia uma nova série protagonizada por Sabrina Spellman, a Bruxinha Adolescente, até porque muitos, tal como eu, provavelmente acompanhavam fielmente o seriado clássico, especialmente a tarde, na TV Record, antes do programa da Eliana. Riverdale, série de sucesso da Netflix. O hype cresceu ainda mais com as fotos de divulgação, em especial do gato Salém, o gato mais querido das séries de TV até hoje,…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Supergirl – 4ª Temporada – Primeiras Impressões

As pessoas adoram falar mal de Supergirl, dizendo que é a série mais fraca do Arrowverse, porém, além de ser uma série focada em uma heroína (coisa rara), tem muitos aspectos interessantes. “Ah, mas tem muito draminha e romancezinho em Supergirl“… Gente, isso também tem no Arrow e no Flash, dá licença! Todos eles possuem mais ou menos a mesma estrutura narrativa (normal, até porque são dos mesmos produtores, mesma emissora, mesmo universo). Mas, hoje, estou aqui para falar de como começou a quarta temporada e já adianto que achei…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Diário de Horrores – Primeiras Impressões

Ontem, a Netflix lançou uma nova série antológica chamada Diário de Horrores. Cada episódio é um conto que mistura suspense, terror e aventura. Antes de mais nada, queria ressaltar que este é um programa teen, ou seja, como eu não sou o público-alvo principal não me senti muito atraída pela série mas com certeza agradará aos mais jovens. Numa espécie de Contos da Cripta, o Curioso, personagem mascarado, apresenta cada trama que envolve fatos sobrenaturais, tecnologia fora do controle e até magia negra. Não espere por finais felizes, aqui só…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Vale a pena ver | Flesh and bone

Vale a pena ver a minissérie Flesh and Bone (2015, canal Starz) pelas muitas camadas que a trama tem, pela beleza de ter em seu elenco bailarinas e bailarinos de verdade, e por explorar emoções extremas. Vale a pena ver por ser, literalmente, um programa que explora o estilo de vida sexo, drogas e música clássica. Vale a pena ver pela abertura, cujas imagens e música (Obsession, da Karen O) são uma verdadeira obra de arte (confira https://www.youtube.com/watch?v=Waw8_NJ5W4A). Essa minissérie de apenas 8 episódios (uma pena não poderem extender a…

Leia mais.
SÉRIES E TV 

Netflix | Álex Pina (La Casa de Papel) fecha contrato exclusivo com a plataforma

Julho, época de entrar em dia com as séries atrasadas! Na última quinta-feira, a Netflix liberou a notícia de que o roteirista e produtor Álex Pina, autor do sucesso La Casa de Papel, foi contratado com exclusividade pela plataforma de streaming. La Casa de Papel uma das séries do gênero heist (assaltos) com maior audiência, e a série de língua não-inglesa com maior público na Netflix.

Leia mais.
[gs-fb-comments]